domingo, novembro 27, 2005

Tocar o Céu!





Aqui, eu sempre toquei o céu. Neste lugar, em que esta palmeira me conhece desde os primeiros passos.

Saudades de ser feliz, a contemplá-la...

6 comentários:

papagaio disse...

beijos e bom final de domingo
agasalha-te que esta um frio do caraçassssss

Inha disse...

Bom dia! Brrrrrrrr, ca gelo!!!

BJS;)

Pólux disse...

(...) No meu sonho alado e sem âncoras,
sob ondulados mantos de mel lunar,
debato-me na saudade da terra antiga,
dos contos e das lendas de criança.

No silêncio nímio das sombras,
Aladino é agora um translúcido fantasma,
Sherazade uma evanescente lembrança,
Xariar um espectro que não assombra
e Sinbad e Ali-Babá doces pleonasmos...



Presentes, também, estarão sempre as palmeiras e os juncos que marginavam as ribeiras da minha infância.

Salve, Dinada!

Dinada disse...

Frio, gelo, horrível. BJS, meninos!!!

Pólux, fui ver o teu blogue e fiquei siderada com tudo, música textos, fotos, tudo...estou 'maravilhada, como diria o outro!

Já cá canta nos favorites...

Mr. Steed disse...

olha polux, eu tb lá estive mas não fiquei maravilhado.

Fiquei impressionado por ser o primeiro blogue onde pude encontrar duas vezes a palavra "palimpsesto".

Também gostei de dar de caras com o "Tâmaras Com Tangerinas", esse sim, quase me fez acordar.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.