terça-feira, fevereiro 05, 2008

Um Bocadinho Irritada...

Reproduzo aqui o comentário da caixa do Poste dos cachorrinhos Golden Retriever para dar:

"Atenção: a mensagem que por Portugal circula já data de 2001/2002. A ninhada de 6 cachorrinhos Golden Retriever (que afinal eram 7) já se transformou numa lenda. P.f. consutem http://www.quatrocantos.com/LENDAS/111_golden_retriever.htm.
Não se empolguem com estes, que já são adultos. Empolguem-se com outros cachorrinhos (Golden Retriever ou não) que por aí estão, à espera de um amigo!"



Foi um anónimo que a deixou e vale o que vale, não sei da sua veracidade.

O tom paternalista de recado ou ralhete é que me arrelia.
E eu explico.

Parece que agora é de mau tom, para os amigos dos animais, ter um cão de raça pura. Parece que se gosta menos ou que o animal é diferente, coitado, por ser de linhagem irrepreensível.
Parece que o que é bonito e fica bem, agora, é ter um rafeirinho mesmo muito feio que é assim que se prova que se é amigo do animal.

Poupem-me.

Eu por acaso tenho uma rafeira que não parece mas sempre soube que era. E que adoptei por 0€.
Mas podia ter um Golden Retriever que me tivesse custado 500€ que não o amava menos por isso.
Percebem-me?

Acho que, de repente, os humanos medem os animais como se medem a si próprios e se pedem piedades que não merecem quando falham na vida transportando-as para eles.
Por favor, os nossos amigos do dia a dia nem sabem de que raça são.
Só querem mimo, cuidados e atenção.
E retribuem em triplo, tenham ou não LOP, sejam ou não filhos de campeões de exposição, tenham ou não sido recolhidos dum canil manhoso com probabilidade zero de sobreviver.

Bolas!

Eu gostava da Mousse mesmo se ela fosse uma pura Retriever do Labrador Castanha que, no mercado, custa uma pipa de massa.

1 comentário:

aurora disse...

Pra, com esse nome inté podia ter ganho o Grand Prix do Poodle anão com pon pon nas patas ca gente gostava dela à mesma... (eu compreendo-te gaija mas é só porque sou pouco portuguesa...)